segunda-feira, fevereiro 23, 2009

OSCARS 2009

Os vencedores

Primeira conclusão: o que corre na internet é quase sempre boato - não havia carta nenhuma a revelar antecipadamente os vencedores. Tudo uma treta. Esta divertida, ao lado de centenas de outras que enxovalham pessoas e instituições e procuram por todos os meios mostrar que este mundo é uma miséria moral. Não é tanto assim. Só é miséria moral, em grande parte, por causa desses difusores de mentiras e de embustes.
Segunda conclusão/span> nem sempre o que parece certo, está seguro. Havia Oscars já atribuídos que foram parar a outras mãos.

Terceira conclusão: a cerimónia deste ano foi excelente, em ritmo, invenção, espectáculo, dignidade. A América e Hollywood estão de parabéns.

Quarta conclusão: o cinema é arte e espectáculo e muitos críticos portugueses não sabem o que dizem quando afirmam certos disparates monumentais. Mas eles estão obviamente "certos", e o resto do mundo "errado". O "orgulhosamente sós" de Salazar continua a ter inteira propriedade. País de "cérebros iluminados", que poucos lêem e que fazem com que a crítica e o público estejam quase divorciados.

Quinta conclusão: na lista de previsões aqui apresentada, segundo o que se pensava serem os critérios da Academia, houve algumas surpresas. A maioria delas dando-me algum prazer pessoal: os Oscars para Penelope Cruz e Sean Penn fora duas grandes interpretações justamente consagradas (lamento por Mickey Rourke, cujo filme ainda não vi, mas que não terá tão cedo outra tão boa oportunidade).
Sexta conclusão: "Que quer ser Bilionário?" não é o melhor filme do ano, nem é sequer o melhor entre os nomeados, mas é um bom filme. Muito longe da "pornografia miserabilista" que alguns lhe chamam. Muito longe do retrato viciado da Índia que (alguns) indianos insistem em ver nele.

Best Picture (Filme)
The Curious Case of Benjamin Button
Frost/Nixon
Milk
The Reader
Slumdog Millionaire

Best Director (Realizador)
Danny Boyle - 'Slumdog Millionaire'
Stephen Daldry - 'The Reader'
David Fincher - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Ron Howard - 'Frost/Nixon'
Gus Van Sant - 'Milk'

Best Actor (Actor)
Richard Jenkins - 'The Visitor'
Frank Langella - 'Frost/Nixon'
Sean Penn - 'Milk'
Brad Pitt - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Mickey Rourke - 'The Wrestler'

Best Actress (Actriz)
Anne Hathaway - 'Rachel Getting Married'
Angelina Jolie - 'Changeling'
Melissa Leo - 'Frozen River'
Meryl Streep - 'Doubt'
Kate Winslet - 'The Reader'

Best Supporting Actor (Actor secundário)
Josh Brolin - 'Milk'
Robert Downey Jr. - 'Tropic Thunder'
Philip Seymour Hoffman - 'Doubt'
Heath Ledger - 'The Dark Knight'
Michael Shannon - ' Revolutionary Road'

Best Supporting Actress (Actriz secundária)
Amy Adams – ‘Doubt’
Penélope Cruz – ‘Vicky Cristina Barcelona’
Viola Davis – ‘Doubt’
Marisa Tomei – ‘The Wrestler’
Taraji P. Henson – ‘The Curious Case of Benjamin Button’


Best Animated Feature Film (Animação)
Bolt
Kung Fu Panda

Wall-E

Best Foreign Film (Filme em língua não inglesa)
'The Baader Meinhof Complex' (Germany)
'The Class' (France)
'Departures'(Japan)
'Revanche' (Austria)
'Waltz With Bashir' (Israel)

Best Original Screenplay (Argumento original)
Dustin Lance Black - 'Milk'
Courtney Hunt - 'Frozen River'
Mike Leigh - 'Happy-Go-Lucky'

Martin McDonagh - 'In Bruges'
Andrew Stanton, Jim Reardon, Pete Docter - 'WALL-E'

Best Adapted Screenplay (Argumento adaptado)
Eric Roth, Robin Swicord - 'The Curious Case of Benjamin Button'
John Patrick Shanley - 'Doubt'
Peter Morgan - 'Frost/Nixon'
David Hare - 'The Reader'

Simon Beaufoy - 'Slumdog Millionaire'

Best Original Score (Paritura musical)
The Curious Case of Benjamin Button
Defiance'
Milk

Slumdog Millionaire
WALL-E

Best Original Song (Canção)
‘Down to Earth - ' WALL-E
‘Jai Ho' - ‘Slumdog Millionaire'
‘O Saya' - ‘Slumdog Millionaire'

Best Film Editing (Montagem)
Kirk Baxter, Angus Wall - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Lee Smith - 'The Dark Knight'
Mike Hill, Dan Hanley - 'Frost/Nixon'
Elliot Graham - 'Milk'

Chris Dickens, 'Slumdog Millionaire'

Best Cinematography (Fotografia)
Tom Stern - 'Changeling'
Claudio Miranda - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Wally Pfister - 'The Dark Knight'
Chris Menges, Roger Deakins - 'The Reader'
Anthony Dod Mantle – ‘Slumdog Millionaire'

Best Costume Design (Guarda-Roupa)
Catherine Martin - 'Australia'
Jacqueline West - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Michael O'Connor - 'The Duchess'
Danny Glicker - 'Milk'
Albert Wolsky - 'Revolutionary Road'


Best Sound Mixing (Som)
David Parker, Michael Semanick, Ren Klyce, Mark Weingarten - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Lora Hirschberg, Gary Rizzo, Ed Novick - 'The Dark Knight'
Ian Tapp, Richard Pryke, Resul Pookutty - 'Slumdog Millionaire'
Tom Myers, Michael Semanick, Ben Burtt - 'WALL-E'
Chris Jenkins, Frank A. Montaño, Petr Forejt - 'Wanted'

Best Sound Editing (Edição de Som)
Richard King - 'The Dark Knight'
Frank Eulner, Christopher Boye - ‘Iron Man'
Tom Sayers - ‘Slumdog Millionaire'
Ben Burtt, Matthew Wood - 'WALL-E'
Wylie Stateman - 'Wanted'


Best Makeup (Caracterização)
Greg Cannom - 'The Curious Case of Benjamin Button'
John Caglione, Jr., Conor O'Sullivan - 'The Dark Knight'
Mike Elizalde, Thom Flout - 'Hellboy II: The Golden Army'


Best Art Direction (Direcção artística)
James J. Murakami, Gary Fettis - 'Changeling'
Donald Graham Burt, Victor J. Zolfo - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Nathan Crowley, Peter Lando - 'The Dark Knight'
Michael Carlin, Rebecca Alleway - 'The Duchess'
Kristi Zea, Debra Schutt - 'Revolutionary Road'


Best Special Efects (Efeitos Especiais)
Eric Barba, Steve Preeg, Burt Dalton, Craig Barron - 'The Curious Case of Benjamin Button'
Nick Davis, Chris Corbould, Tim Webber, Paul Franklin - ‘The Dark Knight'
John Nelson, Ben Snow, Dan Sudick, Shane Mahan - ‘Iron Man'

(a verde, as nossas previsões confirmadas; a dourado, os Oscars que diferiram).

5 comentários:

BlueAngel disse...

- Felizmente a carta era falsa, mas concordo quando diz que este mundo é uma miséria moral. e quem me dera que os meus exemplos fossem só a este nível, infelizmente não são.

- Também gostei imenso da cerimónia. Principalmente a forma como os Óscares para melhores actores foram apresentados: uma forma menos fria e muito mais humanizada. Excelente!!!

- "Iluminados" é o que mais há neste país que ainda por cima é pequeno, pequeno.

- Pois o filme da Penelope foi o único que vi até agora e, ainda por cima, não gostei.

- A apresentação esteve excelente: Jackman foi uma revelação, mais uma vez. :-)

Helder Magalhaes disse...

Adorei a cerimónia! Os momentos musicais do Hugh Jackman foram surpreendentes...

Quanto aos prémios, apenas me surpreendeu o da Penélope, pela positiva, claro, que bem o mereceu!

Gostava que o Milk tivesse ficado com mais prémios, mas os que levou foram bastante significativos.

Sempre o abraço, do
Helder

p.s. a quarta conclusão deixou-me curioso.

Frioleiras disse...

Mas... Hollywood versus Bollywood não será uma consequência da globalização?

Hollywood necessita com certeza de Bollywood... Ou não?


Bj

Filipe Machado disse...

Não vi a cerimónia, mas já ouvi falar muito bem do espectáculo em si. Quanto aos resultados, muito previsíveis e com poucas surpresas.

João Garcia Barreto disse...

Caro Lauro António:

Concordo plenamente com a primeira conclusão... Talvez seja uma razão que, provavelmente, justifica o fraco sucesso e desenvolvimento do cinema português...